DESGRAÇA POUCA É BOBAGEM.

Sem delongas: bloquearam a internet no hospital.
Agora, só abrem os sites .gov.br.
Legal, né, não?
Hoje eu não li nenhum blog. Nenhum jornal, nada.
Só trabalhei.
Mas valeu, a vida é assim mesmo. Amanhã é noix, Queiroz!!!

Anúncios

ERA TUDO O QUE EU PRECISAVA!!!

O Leandro, do Cretino Lover presenteou os leitores do blog dele com este mimoso link, que encontra aquele palhaço que não te ligou através do google maps. É só digitar o número do celular do sujeito que você descobre na hora onde ele está fazendo palhaçada. Clique aqui
Quem tem coração fraco deve acessar o site com comprimidos de captopril ao lado. Quem tem asma, não se esqueça da bombinha. Se ele já te ligou e disse que está etudando, ou dormindo, ou jantando com a avó…
Todo cuidado é pouco!!!
Homens!! Tremei!!!
(Agora, não se esqueçam que ele também pode digitar o número do seu celular… vê lá, hein!!!)
Como A zíngara não conseguiu abrir o link, aí vai o site:www.trackpartner.com.

MEU LADO MAQUIAVÉLICO SEMPRE É MAQUIÁVEL

Como tristeza só traz rugas, eu e minha miguxa Julinha resolvemos matar os homens de desejo e as mulheres de inveja levando nossas minissaias para passear.
Julinha é o enfeite que me deixa muito mais gata. E vice- versa.
E demos sorte: ao invés dos palhaços de sempre conhecemos gatitos ótimos e cavalheiros.
Esqueci dos quilos extras, das fofocas, dos mau- entendidos.
Na verdade, quem não entende direito é quem pensa que tem o direito de se meter na vida dos outros.
A alma foi lavada hj, nas águas de Piratininga e depois de Itacoatiara, com direito a ceviche e tudo o mais.
Amo a minha vida de pop star, apesar do sono e da fome que me acarretam.

PLANOS MAQUIAVÉLICOS

Neste final de ano, consegui recuperar (em 20 Dias!) os 5Kg de levei dois meses para perder. Fui à praia ontem e fiquei meio sem-graça com a minha forma física de mãe de duas e recepcionista que fica sentada por 12 horas em cada plantão aceitando balas e chocolates dos pacientes generosos.
Pretendo colocar uma faixa enorme atras de mim, na recepção, dizendo:
” por favor, não alimente este animal. Ela não sabe dizer não pras guloseimas que vcs gentilmente ofertam!”
Mais tarde eu vou traçar um plano infalível (pareço até o cebolinha… assim, os planos sempre falham) de caminhadas, frutas, peixes e tudo o que há de verde-comestível por aí.
Os últimos meses foram frenéticos em termos de noitadas. Eu adoro sair, beber, jogar sinuca, dançar e etc, mas o que ganhei com esta vida de pop star foi: olheiras, quilos extras, barriga, sono durante o dia, e aborrecimentos.
Muitos aborrecimentos.
Porque será que uma mulher não pode ainda viver a vida como quer, sem ser crucificada pela grande massa neurótica e recalcada?
Ontem eu tava super triste por ter sido xingada pelo meu ex , quando vi o post da divorciada em http://3xtrinta.blogspot.com/2009/01/mulheres-que-amamos-amar-leila-diniz.html
Foi o que me fez sorrir novamente.
Desde Leila Diniz, ou melhor, desde Chiquinha Gonzaga que as mulheres libertárias ao extremo sofrem com as perseguições e maledicências da grande massa de homens e mulheres neurótica e recalcada, que não tem mais o que fazer e fica falando da vida dos outros ao invés de olhar pra si. Agora, uma coisa eu garanto: vai ter resposta. Ah! se vai!!!
Ser libertária e ser vulgar são coisas completamentes distintas para mim.
Dar pra quem a gente quer, por puro tesão, não é vulgar.
Vulgar é sair por aí julgando a vida dos outros, é não ter vida para viver e assim precisar desesperadamente apontar o que (consideram) defeito alheio.
**************************
Voltando ao assunto pop star, vou fazer um mea culpa. Vida de pop star que se preze tem luzes, festas e nights, mas começa pela academia e continua por dietas espartanas.
Queridinha, se vc já passou dos 30, conforme-se:
não dá pra beber cerveja na praia, depois comer churrasco, depois sair e beber mais um montão de cerveja, acordar de ressaca no dia seguinte e pedir uma lasanha por telefone.
As novas táticas serão as seguintes:
1- anotar tudo, tudinho que eu comer durante o dia.
2- preparar um belo cardápio, variado, colorido, sem gordura e com todos os alimentos que fazem de uma mulher uma SUPER mulher.
3-caminhadas diárias de 50 minutos, mesmo se estiver chovendo.
4-por pelos menos 10 dias, nada de pão, macarrão, arroz e cerveja.
No mais, um pouco de alongamento e meditação.
Meu problema não é ser libertária, mas sim ser libertária em volta de tantos babacas.