UM POUCO DE MALANDRAGEM…

Sumida, sumidinha. Por falta de conexão, por excesso de informações, por razões das mais variadas.
A sensação de que tudo obedece àquele círculo vicioso de sempre perdura, mas sem tanta tragédia, pois vou percebendo, muito devagar, que tenho opções.
Passeio pelas estradas virtuais da internet, colhendo informações das mais variadas. A partir de dicas sobre atitudes que podem melhorar a saúde do corpo, da mente e do espírito, fui passear pelo espaço sideral, descobri ETs, conspirações e um pouco mais sobre mim mesma.
Por mais loucas que fossem as informações que engoli nesses dias, de nehuma dei risada, e não, não fui cética como convém a uma moça de família.
E agora estou aqui, super crédula. Acredito em ETs, em elogios e pessoas em geral. Acredito no bem, na solidariedade, em Deus, anjos da guarda, gnomos, duendes, fadas, sereias e tudo o mais. Acredito até em dar umas voltinhas com Puro-Osso no final de semana, para continuar a me sentir uma estrela das mais sexies. Esse negócio de escutar “gostosa” no pé do ouvido deixa a gente meio viciada mesmo.
Mas a pergunta que não quer calar: será mesmo necessário ser sempre cética em relação a tudo??
E por que não acreditar nas pessoas? Hein, hein?
Não consigo, por falta de imaginação e outras coisas, ficar especulando sobre eventuais intenções escusas dos outros para comigo. Não imagino que estejam querendo me sacanear, ou me difamar. Por um lado é bom, minhas sinapses ficam estritas ao bem e ao belo. Mas o outro lado da moeda é a quantidade de “tombos”, decepções que poderiam ser em grande parte evitadas, se eu usasse mais a minha malícia e paranóia.
Num surto de auto-crítica, me vejo acendendo velas para Deus e Diabo, sem qustionar muito. Não questiono por carência?? Ah! Sei lá!! Mas achei engraçado, chegar a essas conclusões sobre a minha intimidade ao escarafunchar sites de conspirações, Ufologia e afins.

Anúncios

3 Respostas

  1. Cris,
    minha vida também ficou meio ” louca” depois do temporal….além de ficar sem conexão, enfim, voltando ao normal ou seria ao ” anormal” ? risos
    Gostei do seu post.
    Eu acho que a gente tem que ficar light para encontrar a solução. Pesquisar. Ler. Como disse hoje um colunista do Globo : Baixar a crista….é bom ! Dá para estufar o peito, respirar fundo e seguir em frente sabendo que estamos aí para o que der e vier e que depois de um dia vem outro e que vale o aprendizado. As pessoas que a gente conhece. Aceitar nossos defeitos e qualidades. E nos permitir errar…
    Questiona , não….segue….
    Te adoro , moça !
    Beijos

  2. Eu,hein! Amiga, tudo bem que depois de tanta tragédia que aconteceu vc saia lendo tudo sobre tudo, que pense em dar uma escapulida com o Puro-osso, compreensível, mas… duendes,fadas,gnomos,anjos,ETs, não é um pouco demais? Aff, que minha amiga pirou com a chuva! Olha,escrevi um livro sobre sereias de vida dupla, “O Filho de Netuno”, que nenhuma editora aceitou publicar. (Que injustiça!) Se puder te ajudar em alguma coisa,mando pra vc… rsss. Só que está no Rio. Mas,numa coisa vc está super sadia e certíssima: não ficar imaginando se quem se aproxima quer te sacanear. É isso mesmo, não dá pra gente viver “armada” pq tem mta gente boa no mundo. Aliás,creio que a maioria é decente. E vamos vivendo sem ficar na paranóia. Tb sou assim, e nunca levei mtos tombos,sabe? Só o tal sgt foi um estrago, mas,antes dele, nenhum me fez qualquer mal. E continuo a seguir sem ficar avaliando mto. Tem uma frase que me serve de norte: “O que não me mata,me fortalece”. Acho que é do Nietzsche, mas não tenho certeza.
    Vamos viver,amiga, pq ser feliz é assim,sem medo das turbulências.
    Muitos bjs

  3. Acreditar não é fácil, mas é preciso.

    Beijão,

    Bela – La Divorciada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: